segunda-feira, 25 de junho de 2012

O Nevoeiro

Crítica social disfarçada de suspense nos prova que a última coisa que devemos querer em caso de fim do mundo é ficar perto de uma crente louca.

Esse filme é lindo. Dá pra fazer uns quatrocentos estudos sociológicos usando como base. A verdade é que esse só não é o filme mais passado por todos os professores do Brasil para elaboração de trabalhos acadêmicos pelo simples fato de que iria traumatizar e desestabilizar metade das turmas. Mas os questionamentos todos são feitos por Stephen King: até que ponto somos capazes de ir quando a única preocupação é sobreviver ao desconhecido? A resposta obviamente é que a humanidade é uma merda e somos um bando de desregulados, mas o que interessa é que o filme é dos bons.

O clima é de reality-show, e como todo filme nesse tipo - desconhecidos em uma situação - existem personagens pra todos os gostos. Alguns bem desenvolvidos roubam a cena (oi velha fanática religiosa diva louquissima, amei te xingar) e outros são completamente inúteis (romance do policial com funcionária aleatória). O cenário, todos presos num supermercado, também é maravilhoso, perdendo apenas para o refúgio no shopping center de Madrugada dos Mortos. Quem nunca sonhou?

 
QUEM PAGOU O DÍZIMO VEM POR AQUI

Os efeitos são meio toscos mas pouco importa já que as melhores cenas acontecem no suspense total: quando há apenas a sugestão e expectativa pelo que vai acontecer (a cena da corda, jesus) E quando acontece você já está tomado por um desespero grande suficiente para relevar, a correria é maior.

Não vou falar sobre o corajoso final, primeiro porque não gosto de dar spoilers e segundo porque até hoje não me recuperei. Caralho.
O Nevoeiro (The Mist)
Adaptação de uma obra de Stephen King
Elenco: Thomas Jane, Marcia Gay Harden, Alexa Davalos, William Sadler, Laurie Holden, Chris Owen, Nathan Gamble, Andre Braugher. Direção: Frank Darabont Gênero: Terror Duração: 126 min. Distribuidora: Paris Filmes Estreia: 29 de Agosto de 2008 
Sinopse: Depois que uma violenta tempestade devasta a cidade de Maine, David Drayton - um artista local - e seu filho de 8 anos correm para o mercado, antes que os suprimentos se esgotem. Porém, um estranho nevoeiro toma conta da cidade, deixando David e um grupo de pessoas presas no mercado - entre elas um cético forasteiro e uma fanática religiosa. David logo descobre que o nevoeiro esconde algo sobrenatural e que sair do mercado pode ser fatal. Mas conforme o grupo tenta desvendar o mistério, o caos se instala e fica evidente que as pessoas dentro do mercado podem tornar-se tão ameaçadoras quanto as criaturas do lado de fora. Baseado na obra de Stephen King.

2 comentários:

Duduzim disse...

Leia o livro também!!!
É muito bom, e o final original é diferente.
Muito amis o estilo do Stephen King, aliás...

­alexandre telefone disse...

Eu já li o final original na internet e quase todo mundo concorda que o do filme foi bem mais forte, cachorro e cruel. Ainda mais se a gente pensar que no cinema é exatamente o contrário.

Nos extras do DVD o diretor diz que o proprio King falou que gostaria de ter pensado naquele final antes kk

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...